Translate

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

O Boticário


  Quem teve a felicidade de vivenciar os anos 80 e 90 com certeza se lembra de como eram os produtos fabricados e comercializados pela empresa "O Boticário". Cosméticos em geral ,para homens, mulheres e crianças. Também faziam maquiagens e, acima de tudo, perfumes.
  As fragrâncias, quase sempre baseadas em perfumes importados, eram feitas com tanta maestria que ouso dizer que os aromas produzidos superaram suas inspirações. Este foi o caso do estupendo "Goldie", baseado no famosíssimo "Poison" da Dior. Criado como extrato de perfume, Goldie foi uma obra-prima! Perfume de absinto doce, feminino, viciante, encantador ! O meu predileto e que para sempre estará em minhas memórias.
  "Exuberance', outra maravilha comercializada na famosa ânfora opalina com tampa em pedra sabão ,foi um chipré fabuloso de flores brancas sobre uma base quente e incensada. Magnífico por dentro e por fora, é o perfume do Boticário que mais deixou saudades (pelo que tenho lido nas inúmeras reclamações na internet.)
  Além dessas duas pérolas da perfumaria nacional, "Malitzia", outro floral branco com alma oriental, e 'Annete", buquê elegante de flores delicadas e muito femininas, marcaram minha infância e adolescência.
  As quatro fragrâncias acima citadas foram descontinuadas, mas tantas outras, também incríveis, tiveram o mesmo triste e injusto fim: Yang, Tuareg, Ravel, Kalanit, Crazy, Dreams, Spirit of flowers, Zíngara, Affinity, Athena, Eros, Innamorata e a colônia infantil do Dr. Botica.
  Quantas saudades! Saudades destes perfumes e também do antigo Boticário, com sua criatividade, delicadeza, alma vintage refletida em cada produto, desde o conteúdo até a apresentação. Como esquecer o delicioso hidratante "Honey & Milk", que vinha num frasco que imitava uma leiteira com alças? Ou ainda os frascos de botica antiga com rótulos filigranados, sais de banho, xampus com aromas deliciosos de ervas e óleos de banho em pequenas cápsulas coloridas!
  Tudo era mágico e desejável, encantador aos olhos e uma benção perfumada para o espírito!
  Onde está o verdadeiro Boticário? Onde está o glamour? O que esta empresa fez consigo mesma ao longo dos anos só não foi pior do que o que ela fez, e continua fazendo, com seus consumidores, órfãos que ficamos dos produtos que mais amávamos. Produtos brasileiros! 
  O meu orgulho caiu por terra...
  Esta semana, sem ao menos procurar, uma dessas relíquias caiu-me às mãos: tornei-me dona de metade de um frasco do "Spirit of flowers", perfume lindo baseado no incrível "Tendre Poison" da Dior e no Cabotine, de Grès. O meu maior sonho era ter novamente um Goldie, um Exuberance e um Malitzia, com destaque para o Goldie...
  Inspirada então pela inesperada conquista, resolvi homenagear meu ex-querido Boticário através de uma poesia, onde a empresa, apesar do nome, figura no feminino, visto ser uma perfumaria . Expresso aqui o que vejo e sinto sobre o caso, deixando para deleite do leitor algumas fotos que mostram o que alguns felizardos puderam conhecer no passado...

        Exuberance, Thaty, (Qual é esse de tampa pontuda? Li que pode ser o Tanit) ,Acqua Fresca,( E esse de frasco prata?),Curitiba 300 anos e Crazy Feelings. 
           A genialidade no design dos frascos. Fantástica imagem extraída do site www.designinnova.com.br
                                                 

                                                   Crazy Dreams with Spirit of flowers

                                                      Foi tudo um sonho ou realidade?
                                                      Por que não mais te reconheço?
                                                      Como um monstro sem piedade
                                                      Nas suas mãos, ainda padeço

                                                     Onde estão os frascos mimosos?
                                                     O aconchegante ar das boticas?
                                                     Acqua Fresca lembra-me de que foi verdade
                                                     Enquanto Affinity confunde-me as vistas

                                                     Que desgraça abateu-se sobre ti?
                                                     Kalanit prescinde de comentários
                                                     Antiga estrela de madrepérola
                                                     Escapou-me com seus pés ambulacrários

                                                    Qual Zíngara lançou-te uma maldição?
                                                    Como explicar tanta descontinuação?
                                                    Resolveste seus tesouros exterminar
                                                    Dizimando até mesmo o tronco familiar!

                                                   Thaty resiste, mas Annete não foi poupada
                                                   Sem piedade aniquilada, impuseste-nos tal sevícia
                                                   Boticário, Boticário
                                                   De onde vem tanta Malitzia?

                                                   Onde está a sabedoria representada por Athena?
                                                   Desrespeitando até os deuses do Olimpo
                                                   Eros hoje chora lágrimas de sangue
                                                   Seu único remédio? O retorno de Yang!

                                                   Por que suas composições não soam mais
                                                   Como o magnífico bolero de Ravel?
                                                   Por que tu ainda acreditas
                                                   Que todos preferem dançar o "créu"?

                                                   Meu nariz não aguenta mais "titica"!
                                                   Pensei até em chamar o Dr. Botica
                                                   Mas o pequeno velho também foi assassinado
                                                   Deixando viúva a coitada da Cecita

                                                   Como um Tuareg caminhando na escuridão
                                                   Como posso esperar de ti compreensão?
                                                   Mataram até o Innamorata!
                                                   Boticário, Boticário
                                                   Por que andas tão ingrata?

                                                   Restaram-me Connexion e Styletto
                                                   Mas não sou mulher de consolo!
                                                   Meu olfato, longe de ser tolo
                                                   Exige aqui o seu respeito!

                                                   Diante de tão cruel chacina
                                                   Acabaste com meus sonhos de menina
                                                   E se ainda espera que eu me amanse
                                                   Não aceito de ti menos que Goldie e Exuberance

                                                   Mestre em tirar o doce da boca da criança
                                                   Dê-nos agora uma fagulha de esperança
                                                   Traga de volta as fragrâncias adoradas
                                                   Ainda que em pequenas edições limitadas

                                                   Mas meus apelos já não ouves
                                                   Não quer saber o que acho ou sinto!
                                                   Quando falo do seu passado
                                                   Acreditas que eu minto?

                                                   Eu te escrevo, grito e choro
                                                   Mas você não me escuta!
                                                   Boticário, Boticário
                                                   Por que você é tão...astuta?


              Imagem do perfume Exuberance extraída do blog "Pack by day" Um dia, uma embalagem, do designer Rogério Oliveira.
      Belíssima imagem do produto Phyto-relax extraída do site www.fashionbubbles.com ( Essa me fez chorar mais que Eros).
Atriz Isabela Garcia em 1987. No canto direito o vidrinho do Goldie!!!!!!!
Goldie, o meu eterno amor!!!!!!!
Foto postada no Facebook na página "No armário da vovó"
Imagem extraída do site www.annemakeup.com.br
                                       Imagem extraída do blog www.modalogiabeleza.com.br
                                       Imagem extraída do site www.designinnova.blogspot.com.br
                                                    Um dos frascos mais lindos que já vi.                           


Resolvi compartilhar com vocês os meus frascos de perfumes do Boticário.
Vejam como as ânforas são lindas...

Crazy feelings atual, Cecita, Anette, Curitiba 300 anos, Spirit of flowers, Inamoratta vintage, Acqua fresca, Kalanit( o pequenino da frente), Exubérance, Zíngara, free, Curitiba 300 anos, Inamoratta atual e Inamoratta vintage.

Styletto vintage, Yang, Connexion, Colônia do Dr. Botica, Dreams, Triumph e Styletto novo.

Alguns comerciais do Boticário que mostram os produtos antigos. Nos anos 80 e 90 a agência responsável pelas propagandas do Boticário em revista e TV era a W/Brasil. Não sei se ainda é.

O Boticário-Revista ( observem o frasco do hidratante "Honey & Milk")
O Boticário-Chantagista
O Boticário-Surpresa
O Boticário-Coisa mais bonita
O Boticário-Cantada ruiva

Todos os vídeos acima foram produzidos por Júlio Cezar Xavier da Silveira, que os disponibilizou no Youtube.

Lista com os perfumes lançados pelo Boticário e suas respectivas inspirações. Quem souber mais e puder ajudar ou quiser opinar, será bem vindo.

Femininos

Goldie- inspirado no Poison da Dior
Malitzia- inspirado no Giorgio de Giorgio Beverly Hills
Kalanit- inspirado no Amarige de Givenchy
Athena- inspirado no Trouble de Boucheron
Spirit of flowers- inspirado no Cabotine de Grès
Innamorata- inspirado no Boucheron femme de Boucheron
Dreams- inspirado no Eternity da Calvin Klein
Annete- inspirado no Anaïs Anaïs (versão vintage) da Cacharel
Cecita- inspirado no Narcisse de Chloé
Crazy feelings- inspirado no Dune da Dior
Ravel- inspirado no Amarige Mariage de Givenchy( ou no Samsara da Guerlain?)
Eilat- inspirado no Duende de Jesus del Pozzo
Tarsila- inspirado no J´adore da Dior
Rhea- inspirado no Coco Mademoiselle EDP da Chanel
Insensatez- inspirado no CK one da Calvin Klein
Floratta in Gold- inspirado no Trésor da Lâncome
Floratta in blue- inspirado no CK Be da Calvin Klein
Floratta in silver- inspirado no Emporio Armani She de Goirgio Armani

Masculinos

Styletto- inspirado no Drakkar Noir de Guy Laroche
Arbo- inspirado no 212 man da Carolina Herrera
Quasar- inspirado no Cool water de Davidoff
Tuareg- inspirado no Boucheron homme de Boucheron
Uomini- inspirado no Dolce & Gabbana pour homme de D&G
North Wind- inspirado no Tsar de Van Cleef & Arpels


As referências acima eu retirei parte do que conheço e reconheci e também do blog do Cris Bazoni, o Odorata Parfums que trata desse assunto de modo pioneiro na internet.

59 comentários:

  1. Oi Lily. Muito interessante a proposta do seu blog. Perfume e poesia.Um completa o outro. sem dúvida O Boticário marcou muitos brasileiros. E para mim é um orgulho, pois vi nascer a empresa, na minha cidade. O dono, Miguel estava se formando em farmácia e Bioquímica quando eu ingressava no curso.Transformou-se de modesta botica em indústria de peso internacional. O único senão nesta trajetória é toda esta "inspiração", comum no cenário nacional e internacional. Inédito é raro, mas ainda sonho com uma indústria nacional que projete aromas inéditos e conquiste o mundo perfumístico. Com originalidade. Beijocas de Elisabeth

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beth, que bom você aqui :)
      Sobre a evolução econômica da empresa eu, pelo menos, não posso falar nada(embora tenha lido algumas coisas interessantes, na net mesmo).De fato, é incrível ver uma um negócio nacional nascer, crescer e se expandir desse modo.O Boticário, segundo consta, é a maior rede de franquias em perfumaria e cosméticos no mundo. Temos também a Natura, uma empresa com produtos de qualidade estupenda e 100% brasileira, que tornou-se milionária e que começou com a união de alguns sócios, inclusive, uma delas era uma representante dos produtos alemães Algemarin. Sucessos indiscutíveis.
      A questão abordada porém ,passa longe deste departamento.Acredito que o sucesso deve sempre vir acompanhado de respeito pelos consumidores, aqueles mesmos que ajudaram a fazer da empresa o que ela foi. O momento mais crítico de uma empresa que trabalha com fornecimento de produtos de criação própria, quaisquer que sejam, é justamente o começo e também os primeiros anos.
      Se O Boticário estabeleceu bases econômicas para um crescimento posterior foi porque os seus produtos foram ,não apenas aceitos, mas muito amados pelo público.
      Quanto à questão da inspiração, seria mesmo interessante uma perfumaria nacional conseguir o feito de se estabelecer no mercado internacional com criações próprias. A questão das inspirações, neste caso específico do Boticário, nunca me incomodou e sabe por quê?
      Porque essa é uma empresa que sabe fazer perfumes, e perfumes de qualidade! Ao meu olfato, pelo menos, as fragrâncias que eu mais amei e usei eram melhores que as suas inspirações estrangeiras. E eu não falo de qualidade em matéria-prima, por exemplo, até porque nos anos 80/90 os perfumes do Boticário, infelizmente, apesar de maravilhosos, sofriam com o problema da fixação. Tínhamos que usar muito de cada um para eles fixarem. Este problema foi corrigido com o tempo, creio que com o desenvolvimento de técnicas específicas e uso de melhores produtos fixadores, o que só foi possível com o acúmulo de capital.
      Então, voltando às inspirações,essas fragrâncias antigas não eram meras cópias, muito menos cópias fajutas. O Boticário escolhia a fonte inspiradora e dava um toque diferenciado, creio que propositadamente, as suas criações. O próprio Goldie, de que tanto falo, era o Poison lapidado, sem nenhum toque sintético, pesado ou senil. Era lindo, um pedaço de sonho numa lâmpada mágica.Eu era uma menina de 10/11 anos usando aquilo.
      Havia algo de diferente em cada um deles e é na alma do perfume que eu digo que eles eram melhores. E eram mesmo.
      Além disso, eles só não criavam fragrâncias 100% originais por um único motivo: não deviam querer! Porque saber, sabiam e sabem fazer.
      Veja o caso do magnífico Acqua fresca. Posso estar enganada mas pra mim é obra original e de uma beleza ímpar.
      Além disso temos o caso do estupendo Exuberance, por quem todos choram, e que, malgrado eu ter certeza que foi inspirado em algum perfume estrangeiro, até hoje ninguém conseguiu descobrir em qual...
      Logo, não só o orgulho que eu tinha como o amor e a admiração, o encantamento de entrar numa loja antiga do Boticário, bem como dar e receber seus produtos, caiu por terra mesmo. Ficou um gosto amargo na boca. Dinheiro não é tudo.

      Excluir
  2. Glamour, exatamente, Lily!!! Foi isso que se perdeu! Meus olhos de adolescente não poderiam me enganar tanto! Sei que existia algo de especial ali.
    Hoje só encontro lavandas temperadas, nada mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cris! Não é? Não, querido, não estamos loucos, rs. Todo mundo sente falta do antigo Boticário...

      Excluir
  3. Meninas, milhares de anos atrás ganhei um perfume importado que não curti muito: Priscilla Presley. Usava vez ou outra. Entretanto, um dia em que eu estava usando, fui visitar uma tia (órfã inconsolável do Exuberance) e ela, do nada, deu um grito e perguntou onde eu tinha conseguido achar o bendito Exuberance, totalmente enlouquecida! Eu, que nunca havia usado essa colônia de O Boticário, nem sabia direito do que ele estava falando... Então eu acho que as chances de serem fragrâncias gêmeas são muito grandes, né? O problema é o preço do Priscilla Presley....
    Eu, por minha vez, sou eternamente saudosa do crazy e do Ravel (um minuto de silêncio, por favor).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helen, sabe, eu não aguento essas coisas que acontecem comigo...Não é novidade que eu sou louca pelo Exuberance mas já faz um tempinho que do nada eu encanei que eu queria um Priscila Presley!! No caso, o Indian Summer...Tanto que já andei pesquisando e ele pulou vários lugares na minha lista de aquisições.É sobre esse que você está falando? Porque a Priscila tem vários perfumes em sua linha. Só do Indian Summer há mais três versões além do original.
      Além disso será um caso de coincidência esta semelhança porque todos perfumes da PP foram feitos após o Exuberance, que é de 89. O mais antigo é o Moments, de 1991. O Indian Summer é de 1995.
      Lembro de já tê-lo sentido no passado mas não me recordo o aroma, então, comprarei no escuro. Agora, depois de você ter falado sobre essa semelhança com o Exuberance,então...não sossego mais, rs!!!
      Bem vinda ao blog :)

      Excluir
    2. Olá meninas apaixondas pelo Exuberance e assim como eu triste por ele ter sido retirado do mercado sem dó nem piedade, e nenhuma explicação do Boticário as clientes mais fervorosas órfãs dessa maravilha da perfumaria, que não deixava nada a dever para um importado, bom mas eu entrei aqui para dizer a vcs que achei um que lembra o nosso Exuberance, é o DIVA do Ugaro é o com o selo vermelho, tentem e me digam o que acharam. Esse da Pricilla Presley tem que saber certinho qual é pois ela tem vários. ...bjooo

      Excluir
  4. Lily, é o Moments.
    Olha o "bisurdo" do preço aqui na terrinha:

    http://www.aazperfumes.com.br/sistema/listaprodutos.asp?IDLoja=434&IDProduto=1907110&q=moments-de-priscilla-presley-eau-de-toilette-feminino

    Depois vc espia no Ebay e fica chocada com a diferença...

    ResponderExcluir
  5. Obrigada, Helen! Eu crente que era o Indian Summer. Vou hoje atrás de um Moments pra mim!!!! Bjusssss

    ResponderExcluir
  6. Essa publicidade do Tuareg quase me fez chorar... Meu Deus!!! Que tempo bom! Quanta coisa... Que saudade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todas elas me deixam incrivelmente saudosa, Cris, mas ao mesmo tempo feliz por poder ter ao menos a possibilidade de visualizá-las, visto serem os frascos belíssimos!!
      Viu o frasquinho do Goldie que te falei? Ah...que saudades dele na minha penteadeira...
      Bjus!

      Excluir
  7. Se o Boticário soubesse quantos órfãos deixaram... Tenho certeza que a qualidade e o charme se perderam, minha mãe usava o Acqua Fresca, e esses tempos fui presenteá-la com um frasco novo: que decepção! Está tão diluído, tão sem personalidade! Até aquele charminho artesanal se foi! Saudade, em especial, do Crazy Feelings!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Priscila, a minha crítica é justamente porque ELES SABEM !!! Sabem e não movem uma palha. Há inúmeras reclamações na internet sobre essa postura deles, não só aqui no Brasil mas em sites de Portugal, também. Há reclamações individuais ao SAC, cuja resposta é sempre aquela maneira insolente de chamar o consumidor de estúpido. Enfim, um horror completo.
      Não dá pra entender como uma empresa riquíssima porta-se desse modo odiento e incoerente. Como chancelam os tiros nos próprios pés. Por isso friso o desrespeito ao consumidor. Não há outra hipótese aceitável. Somos desrespeitados como consumidores e como pessoas mesmo. É um julgamento mudo de intelecto.
      Inclusive já cansamos de dar a ideia das edições limitadas mas parece que a coisa tem cunho pessoal. O Boticário parece sabe o quê? Uma criança birrenta, mas daquelas bem birrentildas mesmo, que merecem uma surra com vara de marmelo pra ver se endireitam.
      Sobres as fragrâncias que continuam disponíveis, desde os anos 80, como Acqua Fresca e Styletto, parece que enfraqueceram sim mas, pelo menos, não tiveram suas fragrâncias alteradas.
      Eu tenho dos dois, uso muito. O Acqua exala bem, viu...fixa bastante e eu sempre recebo elogios com ele.
      São delícias das quais não abro mão.
      Bjus

      Excluir
  8. Maravilhoso texto, me sinto assim em relação ao boticário, pensam mesmo que todos preferem dançar Créu.

    Perdi quase todos esses perfumes, são memórias que morreram de morte matada, como diria minha avó.

    O Ravel então, foi cruel pra mim. Pena que uma empresa na qual confiávamos e dedicamos fidelidade e carinho nos trata como tão somente números.

    ResponderExcluir
  9. Olá, Teka, bem vinda ao blog. Você falou certo, "morte matada" é o que dói porque se fosse de "morte morrida" a gente até entenderia. Sofreria do mesmo jeito, mas aceitaria melhor. Pra mim nenhuma desculpa dada até hoje pela empresa, de modo automático, chegou sequer perto de uma boa justificativa. Eu só realmente não entendo como escolhem perder dinheiro, clientes e respeito.
    bjus
    Li

    ResponderExcluir
  10. Li, e esse Yang ainda com perfume? Sabe onde tem? Affff

    ResponderExcluir
  11. Lily,

    se o olfato é o irmão da respiração e condutor de nossas memórias, O Boticário não apenas toma uma decisão comercial, mas sim emocional quando nos tira fragrâncias que contam histórias.

    Poético e sentido texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dâmaris,

      certíssima! O olfato é uma via especialíssima de contato com o passado e com momentos inesquecíveis. Lugares, pessoas, circunstâncias, principalmente aquelas tão caras para todos nós como casamento, nascimento de um filho,etc.
      A revolta que assola os consumidores e ex-consumidores dos perfumes ( e produtos) do Boticário esta ligada com essa atitude cruel e repito sempre, desrespeitosa da empresa. Descontinuar uma fragrância vai além, como você sabiamente disse, do aspecto comercial.
      E é nessa esteira que O Boticário pode e deve agir, a de possibilitar ao público (que já cansou de externar sua indignação e seu desejo de comprar novamente estas fragrâncias) o acesso a elas, ainda que nesta ocasiões de fim de ano, através de séries limitadas.
      Isso só colocaria a empresa em situação melhor em termos de bom relacionamento com os clientes como ganhariam muito dinheiro com a ação. Dependendo das fragrâncias lançadas nesses kitis Sucesso do Boticário, é caso de fazer que nem a galera em shows tão esperados, montar barraca na porta da loja pra ser o primeiro a comprar e não ter o risco de perder.
      Olha, se relançarem Exuberance, Goldie e Malitzia, principalmente os dois primeiros, faço até um post de homenagem positiva a essa postura, rs.

      Excluir
  12. Oie!!! ja perdi a conta dos inumeros emails enviados a empresa que por sinal retorna com aquele email descaradamente eletronico inconfundivelmente igual todas as vezes insuportavel. Parabenizo vc pelo seu blog que pelo menos nos fez matar a saudade mas mesmo assim acredito que se nos unirmos todos aki com mais as inumeras queixas que vemos na net sobre o EXUberance talvez consigamos chamar a atençao deles para o desrespeito que fizeram conosco no passado e ainda fazem como este ano com o nosso crazy. Obrigada pela bela reportagem que vc fez sinto-me de alma lavada com os comentarios acima. Mas vamos la o que vcs decidirem eu to dentro... bj grande

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Márcia

      bem vinda e obrigada pelas palavras.
      Olha, se observarmos bem, não sei se essa foi uma estratégia planejada há tempos ou se foi uma medida atual mas O Boicário tem seguido os passos de empresas como Avon e Oriflame( empresa sueca cujos produtos eu adoro), no quesito específico de apresentar seus produtos da seguinte maneira:
      - em catálogos
      - em embalagens simples, populares (e quase sempre horrorosas)
      - visam atingir o máximo de público ( problema nenhum)
      Daí a "desglamourização". Observe que ambas empresas citadas também em relação a perfumes, lançam mil e uma fragrâncias e as descontinuam.
      Logo, tal tática é empresarial e pré-programada dentro de um estilo e não tem nada a ver com a desculpa dada pelo Boticário sobre falta de matérias-primas ( até porque não são perfumes feitos com sândalo de Júpiter e patchouli de Netuno...) ou com pouca aceitação do público, pelo contrário, bem o contrário.
      Então, volto a repetir, se esta é uma via empresarial adequada ao acúmulo de dinheiro, ok, mas que não deixem dentro dessa conduta escolhida de atender aos consumidores, ainda que em ocasiões específicas, como nos finais de ano. É uma maneira de não se desviarem de seu modus operandi ( que sabe raios por que é o escolhido) mas sem ferir tão contundentemente os consumidores.
      Sim, Boticário, todos nós queremos EXUBERANCE e GOLDIE!!!!!!!!!!!!!!!

      bjus

      Excluir
  13. pode me informar qual deste da época do acqua fresca se parecia com o obssession da calvin klein?

    ResponderExcluir
  14. com qual perfume importado o curitiba 300 anos se parecia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não sei dizer porque o Curitiba tem um aroma mais masculino que feminino. Cheiro de ervas, de loção pós-barba.

      Excluir
  15. Uau, que tesouro! Estou embasbacada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Amana, obrigada pela presença, volte sempre ao blog.
      Bjus

      Excluir
  16. oi Lily...o perfume Cumplice (L'acqua de fiori) lembra demais o Goldie ( O Boticário) . caso não tenha loja da L'acqua na sua cidade, me passe seu endereço que mando um de presente para você. é uma maneira de matar a saudade desse perfume divino que a empresa O Boticário, tirou de linha. ADORO SEU BLOG. FELIZ NATAL !!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Cristina, obrigada pelo elogio e pela oferta valiosa. Escreva-me no e-mail do blog: parfumsetpoesie@gmail.com pois não tenho seu contato.
      Volte sempre aqui.
      bjus

      Excluir
  17. Li, tem também o North Wind, que muito me lembra o Tsar.

    ResponderExcluir
  18. Puxa ;( ... Quanta saudade me deu agora...Quantas lembranças vieram ao mesmo tempo...Eu poderia escrever tantas coisas aqui...É impressionante como perfumes podem marcar nossa vida. E é uma facada, realmente, que nos dão, quando decidem retirar perfumes que amamos do mercado...Uma pena...Ainda bem que ficam as lembranças. Agora ficando feliz, hehehe, a-do-rei esse post, nossa, amei!! Muito bacana!!! E já estou seguindo seu blog!! Gostei demais!! Sucesso!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lara, bem vinda. Obrigada pelos elogios. Sei lá, faco posts sobre assuntos que eu gostaria de encontrar na net e esse é um deles. Posso falar por horas disto, rs. Bjusss e volte sempre.

      Excluir
    2. Proponho uma campanha pelo retorno das fragrâncias boutiquinhas amadas, vai que dá certo! Amei esse post, como amava as bolinhas de óleos que vinham nos estojos, meu favorito era Ma cherry, mas amava usar os da minha mãe listados quase em sua totalidade acima! Aqua fresca que delícia, hj mesmo me perfumei com ele, mas sinto falta de sua emulsão hidratante fresquinha! Cheiros da minha infância e adolescência, que nostalgia! Hoje passei na loja e vi uma coleção com três jóinhas das listadas, é edição limitada, corram Forest! Beijos

      Excluir
  19. Saudades dessas boçinhas d bsnho,dos shampoos, saudades muitss mesmo...o infinitybfez parte fa minha vida por anos alguem sabe se ele lembra algum importado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As bolinhas de banho eram puro luxo, William! Aqueles xampus em frascos especiais, com aromas herbais, delicados. Muita saudade do bom gosto e da poesia de um Boticário que se perdeu no tempo. bjus

      Excluir
  20. Que bom encontrar o seu blog. Fiquei muito feliz e nostálgica. Voltei ao passado.Como a maioria das pessoas que comentaram perdi as contas de quantos e-mails no canal Fale Conosco e quantidade de reclamações no site Reclame Aqui. E como todas, as respostas que recebi são todas idênticas e automáticas, sem conteúdo o isso só vem reiterar a falta de respeito para conosco consumidores. Amo o Crazy que foi meu cheiro, minha identidade durante MUITOS anos e também o Ravel, o Kalanit e tantos mais que após a descontinuação de todos simplesmente me sinto despida, violada. Não compro mais nada da marca simplesmente pelos motivos listados acima. Quando nos respeitarem e relançarem alguns dos meus/nossos cheiros, aí sim....terão o meu dinheiro e fidelidade. ;-)

    ResponderExcluir
  21. Lily, esse site expressa a pura verdade, mandei o link dele para o Boticario. Eu liguei hj para eles e perguntei pq o Tuareg e os clássicos masculinos foram quase todos eliminados... Alegaram fatores de aceitação, numero de vendas, matéria prima... mas q poderiam analisar a possibilidade da volta. Eu pedi para fazerem uma pesquisa na internet e ver quantas pessoas insatisfeitas reclamam dessa atitude do Boticario (q realmente parece uma criança birrenta), vivendo descontinuando principalmente os clássicos que a tornaram o que é, alias o que ja está deixando de ser... pois a Natura já está na dianteira. lamentável a atitude do Boticario. E o Tuareg ( que Deus o tenha) substituí pelo Boucheron Pour Homme (versão toilette, não a parfum).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Roberto, bem vindo! Pois é...sempre as mesmas desculpas, não tem jeito, parece. Estão até retornando com algumas edicões limitadas e isso é muito bom. Quem sabe nessas levas encontramos os perfumes realmente desejados e eu também fico pensando que basta ler na internet as várias manifestacões sobre esses descontinuados que isso já seria suficiente pra entenderem que há algo errado...Li até num site de Portugal pessoas saudosas dos perfumes dos 80 e 90.

      Bjus e obrigada

      Excluir
  22. só um observação desta lista de fragrâncias e suas respectivas inspirações, é quanto ao perfume stylleto eu o uso praticamente desde seu lançamento e tambem uso o drakkar noir desde 1985 e posso afirmar que nem de longe são fragrancias sequer próximas.

    ResponderExcluir
  23. Curioso, também convivi com Styletto e Drakkar desde os primórdios( Drakkar ainda tenho um dos antigos) e acho-os semelhantes mas Styletto é disparado melhor!

    ResponderExcluir
  24. o perfume da tampa pontuda era o tannit mesmo...minha mãe tinha e eu usava...o goldie que não lembrava o nome, eu amava, ganhei de uma amiga, o frasco era bem pequeno....tinha o pop alguma coisa também (não recordo bem o nome) outro perfume que não do Boticário e deixou de existir era o Sandalus, masculino, muito bom!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anne. Obrigada pela informação do Tanit! Achei a tampa linda, com ares mouros...Você recorda do aroma? Ele parecia com algum perfume conhecido? Eu imagino o Tanit oriental amadeirado. O Goldie era demais, né. Sim, era pequenino o frasco porque ele era um extrato de perfume! O outro era o Lavanda pop, nunca tive mas todo mundo tinha ele. Pop mesmo rsrsrs. Esse Sandalus não recordo! Valeu pelas informações. bjus

      Excluir
  25. Olá eu também coleciono miniaturas de perfumes. Uma amiga minha que também é colecionadora criou esse abaixo assinado Retorno dos perfumes em miniatura de 5ml O Boticário https://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/31265 assinem, mandem para as amigas

    ResponderExcluir
  26. Goataria muito de saber qual perfume é semelhante ao Yang pois eu amava esse perfume

    ResponderExcluir
  27. oi...galera o BOTICARIO relançou alguns antigos sucessos somente na loja ONLINE: RHEA...ANNETE...INSENSATEZ...FEMME.COM...CRAZZY FEELINGS E NORTH WIND....todos de 110 ml. edição limitada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. detesto edições limitadas do boticário....
      perfume é marca pessoal, não modinha.

      Excluir
  28. segundo uma vendedora a intenção relançar os mais pedidos no site da loja....

    ResponderExcluir
  29. Lily Loon, volta a fabricar o TANIT e o INSENSATEZ eu amo de paixão esses dois..

    ResponderExcluir
  30. AMEI ESTA POSTAGEM E A POESIA ENTÃO... SHOW DE BOLA! CONCORDO PLENAMENTE CONTIGO, O BOTICÁRIO NÃO É MAIS O MESMO E PARA MIM, OS MELHORES FORAM: GOLDIE E EXUBERANCE, CHIQUÉRRIMOS, USEI MUITO... SE VOLTASSEM, ABANDONARIA OS IMPORTADOS!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Rosa. Nem me fale, o Goldie é meu sonho...que perfume!! bjus

      Excluir
  31. O Zíngara voltou agora em ediçao especial e limitada para o dia das mães de 2016! O Dreams também voltou!

    ResponderExcluir
  32. Sinto muitas saudades destes grandes perfumes de O Boticário, de todos os que você mencionou e também do Lights, que descobri ser muito parecido com o Very Valentino, mas que também é bem difícil de achar. Espero que a empresa consiga resgatar um pouco de sua época de ouro, de sua sensibilidade, que está perdida ou esquecida em algum lugar...Que não se perca em definitivo sua excelência e ao menos faça uns agrados ou minos a seus féis clientes e admiradores relançando estas preciosidades

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, é, Bruxão? Eles até t~em relançado alguns mas sempre os mesmos...Há muita coisa para ser reavivada de tempos em tempos, edições especiais de Goldie, Exuberance, Malitzia, Yang,Conexxion antigo, venderiam como água!!

      Excluir
  33. Boa noite Lily Loon, muito legal o teu blog, gostaria de saber se existe algum perfume com a fragância semelhante ao Eros e Stiletto (de tampa de madeira)
    Desde já agradeço...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Almir, obrigada. O Styletto ainda tem o mesmo aroma do passado, talvez uma discreta alteração em algum componente mas nada realmente que faça uma diferença gritante. O antigo parece ter algo mais natural, alguma nota, conjunto de notas, componentes menos sintéticos mas o cheiro se manteve. Quanto ao Eros não sei dizer, talvez encontre algo no blog do Cris Bazoni.
      abs
      Li

      Excluir
  34. Eu amei oq vc escreveu!
    Vc deveria enviar isso ao Boticário, que hoje se tornou uma empresa que só pensa em "modinha".
    Cade o respeito ao consumidor e as boas fragrâncias?Hoje só tem perfuminho gourmand no Boticario, pois os cheiros diferenciados estão acabando com todos, restando cecita, thaty e aqua fresca....

    ResponderExcluir
  35. Lily, eu preciso saber qual o importado se parece com o Dr. Botica. bjs!

    ResponderExcluir
  36. Gostei muito do escrito, foi bom voltar o meu passado com os nomes dos perfumes que já tinha esquecido, é bem verdade como os cheiros nos remetem ao passado, sinto muita saudades dessas fragrâncias . #voltaboticarioao primeiroamor

    ResponderExcluir